ForeverMissed
A todos os que tiveram a oportunidade de privar com o Fernando Nunes, familiares, amigos ou conhecidos, este espaço é dedicado à merecida homenagem à vida deste grande homem.
Este tributo foi publicado por Paulo Marques em 9 de dezembro de 2020
São pessoas como o Fernando que tornam o mundo muito melhor, sempre foi uma pessoa muito gentil. Eu era da geração dos seus filhos e sempre me tratou com a maior gentileza. Tenho ótimas recordações a andar com ele no Trator, de me deixar estar junto da máquina de enfardar e poder ajudar a pôr arame, de estar na sua adega com o vinho que era sempre dos melhores. Eu tenho uma imensa consideração por este homem e nos últimos tempos, mesmo antes de lhe pedir ofereceu-se para me ajudar com alguma dúvida que tivesse com o trator. Tinha algumas coisas para lhe perguntar mas já vou tarde. Um grande bem haja e até breve.

Deixar um Tributo

 
Últimos Tributos
Este tributo foi publicado por Paulo Marques em 9 de dezembro de 2020
São pessoas como o Fernando que tornam o mundo muito melhor, sempre foi uma pessoa muito gentil. Eu era da geração dos seus filhos e sempre me tratou com a maior gentileza. Tenho ótimas recordações a andar com ele no Trator, de me deixar estar junto da máquina de enfardar e poder ajudar a pôr arame, de estar na sua adega com o vinho que era sempre dos melhores. Eu tenho uma imensa consideração por este homem e nos últimos tempos, mesmo antes de lhe pedir ofereceu-se para me ajudar com alguma dúvida que tivesse com o trator. Tinha algumas coisas para lhe perguntar mas já vou tarde. Um grande bem haja e até breve.
Histórias recentes

Saudade e memórias.

Partilhado por Isabel Marques em 14 de dezembro de 2020
Esteja ele onde estiver que deus o ilumine sempre.
Até que a minha memória me falhe nunca o irei esquecer, sempre grata.
Foi a única pessoa até hoje, que esteve mais de uma hora para me conseguir convencer junto com a "Carma" a levar-me de mota da "daporta" até à  Lagoa; Até  hoje foi a minha primeira e única viagem de mota .
Em pleno Agosto, com dias escaldantes, pelas 13h,  e lá estava a máquina debulhadora e enfardadeira, e lá estavam todos a dar no duro com um calor insuportável, o meu avô Marcolino no enchimento dos sacos e à  espera que a neta chegasse com a cesta do  almoço acabado de cozinhar... e aquele brilho nos olhos... e lá estavam o Jorge, o Nuno e o Orlando a cortar o arame para os fardos e todos sempre me acarinharam e respeitaram... belos tempos de que agora apenas ficam mesmo AS MEMÓRIAS.

Debulhadora e Enfardadeira - "A máquina"

Partilhado por Paulo Marques em 9 de dezembro de 2020
A Debulhadora e Enfardadeira fabricada no Tramagal, era uma enorme máquina. Faz parte do meu imaginário da infância e era onde eu ambicionava trabalhar, lá no arame. Se alguém possuir alguma foto que coloque aqui.
Bem me lembro de ouvir. A máquina já está nos Matos e as minhas voltas de bicicleta, passavam a ser por lá que era o epicentro de tudo.

Brincadeiras

Partilhado por Paulo Marques em 9 de dezembro de 2020
Memória do Capitão Saraiva sobre brincadeiras que viveu com o Fernando. É destas pequenas histórias que o mundo é feito e que recordamos os nossos.