ForeverMissed
Este memorial foi criado em memória de Márcia e Felipe Neri. Sempre presentes em nossos corações. 
Este tributo foi publicado por Elizandra Cristina em 22 de agosto de 2021
Desde os primeiros sintomas da mais cruel de todas as doenças - a Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) - meu único pedido a Deus era que Ele curasse a minha tia querida.
Questionei a Deus, incansavelmente: Por que ELA? 
Não compreendia, e tentava explicar para Deus que minha tia não merecia! Mas...

Como toda pessoa especial, nos ensinou o verdadeiro sentido da palavra amor, generosidade, alegria, força, fé ... resignação!
Guerreira! Lutou até o fim com garra e sabedoria! Não desistiu de viver um segundo sequer! As limitações motoras não lhe tiraram a preocupação com todos ao seu redor, o seu perfeccionismo, o seu amor e dedicação a todas as pessoas, a sua vontade de viver...
No decorrer da sua vida deu-nos infinitos exemplos de generosidade, ultimamente nos dava grandes e diárias lições de vida.
Aprendi muito com esta terrível doença - a cruELA - mas aprendi, acima de tudo, com você, minha tia linda, que para vivermos temos que ser fortes.
Dentre tudo que aprendi com você, fica a sua frase: "Estou fraca, mas aceito com fé o que Deus me mandou!"
Descanse em paz!
Muito obrigada por tudo!!!
Você fez a diferença na vida de muitas pessoas aqui na terra, e agora, com certeza, já está fazendo a diferença junto aos anjos no céu!!!
Amo você! A ELA não lhe venceu, pelo contrário, você venceu a ELA!!!

Deixar um Tributo

 
Últimos Tributos
Este tributo foi publicado por Elizandra Cristina em 22 de agosto de 2021
Desde os primeiros sintomas da mais cruel de todas as doenças - a Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) - meu único pedido a Deus era que Ele curasse a minha tia querida.
Questionei a Deus, incansavelmente: Por que ELA? 
Não compreendia, e tentava explicar para Deus que minha tia não merecia! Mas...

Como toda pessoa especial, nos ensinou o verdadeiro sentido da palavra amor, generosidade, alegria, força, fé ... resignação!
Guerreira! Lutou até o fim com garra e sabedoria! Não desistiu de viver um segundo sequer! As limitações motoras não lhe tiraram a preocupação com todos ao seu redor, o seu perfeccionismo, o seu amor e dedicação a todas as pessoas, a sua vontade de viver...
No decorrer da sua vida deu-nos infinitos exemplos de generosidade, ultimamente nos dava grandes e diárias lições de vida.
Aprendi muito com esta terrível doença - a cruELA - mas aprendi, acima de tudo, com você, minha tia linda, que para vivermos temos que ser fortes.
Dentre tudo que aprendi com você, fica a sua frase: "Estou fraca, mas aceito com fé o que Deus me mandou!"
Descanse em paz!
Muito obrigada por tudo!!!
Você fez a diferença na vida de muitas pessoas aqui na terra, e agora, com certeza, já está fazendo a diferença junto aos anjos no céu!!!
Amo você! A ELA não lhe venceu, pelo contrário, você venceu a ELA!!!
Histórias recentes