ForeverMissed
Tributos a Diamantino
Este tributo foi publicado por Paulo Marques em 25 de abril de 2020
Teve uma vida longa, uma infância sem luxos e provavelmente difícil, conseguiu distinguir-se na pequena aldeia, com o ofício de barbeiro, com a taberna e até com o fabrico de pólvora. Privilegiou a família e nunca foi de excessos. Foi um Pai presente, castigou quando era merecido, obrigou quando era preciso e foi permitindo já que me competia arriscar e tentar voar. Creio que em vida terá fica ciente deste minha gratidão, mas agora pode ser que também ouça, Obrigado Pai!

Deixar um Tributo